segunda-feira, 3 de setembro de 2012

Amor de Criança




Queremos esquecer que o tempo vai passando, e não fazemos nada de nossas vidas de tao grande, ou então que faça tanta diferença..
Temos a necessidade de mudança mas não temos a esperança para mudar.
Temos a vontade mas não temos a coragem para continuar.

Queremos deixar de ser nós mesmos, pensamos até em nós matar.
Vamos parar de pensar, e nos limitar.
Pois quem se limita não conhece a sua própria capacidade, e quem pensa não pratica a seriedade que tem quem realmente salpica a emoção de ser impulsivo o suficiente para viver mais do que somente quem pensa.

Pensar faz com que planejamos coisas.. mas a impulsividade faz de você um corajoso feliz.. mesmo que erre você não pode reclamar correu atras mesmo que isso seja errado.. você não se limita, não tem medo, não tem conciência..
Tenho saudades de quando eu era assim.. Era feliz sem saber da mudança que me aguardava e me aprisionava na prisão que hoje vivo.
Hoje eu não consigo ser espontanea , nao consigo falar olhando dentro dos olhos da pessoas por muito tempo e isso nao é questão de carater é questao que eu mudança.
Hoje eu nao tenho aquela voracidade toda para viver intensamente a vida, por medo de ser julgada ou medo de está ferindo pessoas queridas, mas tem horas que da vontade de chutar o pau da barraca;
As pessoas acham que nos controlar, para sermos exatamente como elas sonharam é sinônimo de felicidade,mas na realidade não é. É sinônimo de prisão.
Ninguém nunca irá conseguir ser especialmente perfeito pra você, as pessoas tem suas particularidades, tiveram suas vidas antes de terem um relacionamento, acredito que a felicidade e amor de verdade, é aquele capaz de perdoar qualquer erro, amor sem cobranças, um amor sem limites, um amor sem destrato esse sim acredito ser um amor incondicional igual amor de criança.

Nenhum comentário: