sábado, 24 de outubro de 2009

Nunca te esquecerei


Esse sentimento sem fim que mudou assim o ser que habita em mim me faz perder o medo de errar me mostra o que é realmente amar ele começa a gritar em mim por ter uma dor que so a sua falta pode dar em seus olhos profundos me esqueço do mundo e chego ao mais fundo do abismo que é amar-te perco o ar de imaginar que um dia eu possa te perder começo a me enlçouquecer so de ficar longe de você sua presença me causa prazer me faz perceber que te conhecer me fez esqeucer do tempo que eu sofri e hoje so tenho a agradecer pela a existencia do teu ser que faz da minha vida um paraiso me perco no horizonte e na imensidão do mar sinto a brisa do vento as minhas lagrimas limpar a unica coisa que eu nao esqeuço é que hoje sei que em você eu muito me apeguei e que por esse motivo posso te falar que jamais te esquecerei.

(Autoria Paula de Sousa Afonso)

Nenhum comentário: